sexta-feira, 30 de agosto de 2013

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

LP - Trilha do filme Days of Thunder

Olá Pessoal, anunciei novamente o LP - Picture Disk, trilha do filme Days of Thunder.
Para comprar, visite:
http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-506687006-lp-picture-disk-days-of-thunder-_JM

O envio do LP é em embalagem de papelão resistente, garantindo a integridade do produto.

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Acervo particular, parte II - Revolver

Revolver é o sétimo álbum dos Beatles, tendo sido lançado em 1966 e tendo marcado, certamente, o ingresso definitivo do quarteto no psicodelismo. Você encontrará guitarras tocadas ao contrário (influência de Hendrix?) em "I'm only sleeping" - nesta música a voz de John Lennon foi sensivelmente acelerada na fita original, o que a torna um pouco enjoativa. "Eleanor Rigby" é uma obra de arte, "The Taxman" é uma crítica dos Beatles aos altos impostos cobrados dos ricos - e eles eram muito, muito ricos àquela época. Tem "Yellow Submarine", feita para ser a trilha sonora do filme homônimo.
Na minha opinião, para ouvir Revolver, que é o início do fim dos Beatles, você tem que separar a música e a criatividade das vidas pessoais dos membros da banda. Nos hiatos entre as gravações há brigas e processos; e eles caíram, assim como a maioria dos músicos daquela geração, no mundo das drogas. Mas assim como na pintura ou no teatro, temos que separar a arte do artista e saber apreciar o que realmente fica de bom.

Referência: http://www.songfacts.com/detail.php?id=101

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Acervo Particular, parte 1 - Jeff Beck, "Truth"

Truth é o resultado da união entre Jeff Beck, Rod Stewart e Ronnie Wood, que então formavam o The Jeff Beck Group, em 1968.
É considerado um disco "seminal", conceito que define os álbuns que foram progenitores de outros estilos musicais, neste caso, o heavy metal.
As guitarras são altas e combinam bem com a voz áspera e manhosa de Rod, que imprime seu estilo em todas as faixas do álbum.
Você consegue encontrar o Truth em LP à venda no Mercado Livre, a preços que variam de R$ 20 a R$ 150 (lp's novos). Procure também nos sebos, para se livrar do frete :-)

Paz e bem,
Renato

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Olha a dica!


O som do disco de vinil é melhor? A resposta é sim. Mas teremos que prestar atenção a alguns detalhes importantes.

1) O equipamento. Necessariamente você terá que utilizar um bom tocadisco (alguns chamam de vitrola), com uma boa agulha de diamante. Alguns modelos de agulha, como o VN100-D, tem 1000 horas de reprodução e custam em torno de R$ 35,00. São fáceis de serem encontradas no Mercado Livre ou em lojas especializadas. Mas tenha cuidado ao substituí-las. Na dúvida, procure uma loja especializada em eletrônica. 
Seu tocadisco não precisa ser um "monstro" para reproduzir um disco de vinil com qualidade, mas nele deverá ter instalada uma agulha de diamante. As agulhas de safira não tem boa autonomia (cerca de 100 horas de uso) e não tem som nítido. Você pode e deve procurar por tocadiscos usados em briques, com certeza achará bons aparelhos com uma relação de custo x benefício bem razoável. Não precisa gastar R$ 1.000 em um aparelho novo que engana dizendo que é "vintage"...

2) A prensagem. O disco de vinil tem altíssima durabilidade, sendo possível reproduzir com perfeição e qualidade discos com mais de 35 anos. Mas há alguns discos dos anos de 1990 que não foram bem prensados. São discos nacionais, onde já houve remasterização digital e depois disto uma prensagem ruim. Então você encontrará, sim, discos de vinil com som ruim. Há discos importados com som ótimo. Há discos de vinil novos, importados, de 180 gramas, com som incomparável... há discos usados em sebos que são ótimos. Você tem que garimpar. 

3) Conservação. Lave os seus discos de vinil. Isso mesmo! Você pode lavá-los com água, esponja de cozinha (utilize o lado macio da esponja) e detergente de louça comum. Não use álcool, desinfetante ou algo parecido! Enxague bem e deixe secar na vertical, sem passar pano algum, sempre à sombra. Você sentirá a diferença no som. 
Armazene com cuidado, na vertical, em um lugar onde eles não sejam "pressionados" por nenhum objeto e onde não venham a empenar. Não armazene em lugares com sol ou úmidos. Prefira lugares ventilados. Guarde-os dentro de seus plásticos, individualmente, e dentro das suas capas, do contrário eles irão aranhar e aí sim você terá um carnaval de ruídos ao tentar ouví-los.

4) Procura de novos títulos. Há discos de vinil novos à venda? Sim, mas eles ainda são muito caros. A cantora Pitty, a banda Cachorro Grande e outros artistas estão lançando seus trabalhos em vinil de alta qualidade. Pesquise por importados em sites como o Mercado Livre e você terá discos novos, de 180 gramas, à venda, porém o valor é um pouco alto. Recomendo que você procure por títulos em sebos, garimpe bem e achará ótimos discos pelo valor de R$ 15 a R$ 30 reais. Há lojas de usados "superfaturando" com a desculpa de estarem vendendo "raridades". Pesquise em mais de um local!

Tecnicamente, por que o som do disco de vinil é melhor?

"A resposta está na diferença entre as gravações analógicas e digitais. O disco de vinil utiliza a gravação analógica, enquanto CDs e DVDs utilizam a digital. Veja o gráfico o abaixo. O áudio original é analógico por definição. A gravação digital captura dados do sinal analógico numa determinada velocidade (para CDs, cerca de 44.100 vezes por segundo) e mede cada dado com uma determinada precisão (para CDs, 16-bit, ou seja, o valor deve ser um entre 65.536 valores possíveis).


Isso significa que, por definição, uma gravação digital não captura o áudio em sua totalidade. Em vez disso, aproxima o resultado final o máximo que pode do original. Alguns sons de transição repentina, tais como baterias ou trompetes, sofrem distorção por causa da velocidade da captura.


Nos aparelhos de CD e DVD domésticos, a gravação digital é convertida em sinal analógico e enviada ao amplificador. O amplificador eleva a voltagem desse sinal a um nível alto o suficiente para reproduzir o áudio através dos auto-falantes.
Os discos de vinil possuem entalhes que refletem as ondas do áudio original. Isso significa que nenhuma informação é perdida. O resultado de um toca-disco é analógico, enviado diretamente ao amplificador sem ser convertido" (fonte: http://lazer.hsw.uol.com.br/qualidade-de-gravacao-do-vinil.htm).

LP do Pearl Jam - Vendido

Bom dia audiófilo!
O LP do Pearl Jam foi vendido. Assim que pintar outros LP's publicarei por aqui.

Paz e bem!
Twitter: @renatobluesboy